“Arte Potiguar no Mundo – Ciclo de Palestras”

Nascido no sítio Santa Rita, na cidade de Currais Novos, o menino que foi agricultor, prestou serviço militar na Marinha e depois, chegou a lavar carros em São Paulo é atualmente um dos maiores editores de todo o país. O editor e livreiro José Xavier Cortez – diretor-presidente da Cortez Editora – é o próximo convidado do projeto Arte Potiguar no Mundo – uma iniciativa do Governo do Estado, através da Secretaria Extraordinária de Cultura e Fundação José Augusto. Ele fará uma série de palestras intitulada “Roda de Conversa – A leitura, o livro e o editor”. A estreia será em Mossoró, nos dias 14 e 15 de junho. Em seguida, ele seguirá para Assu (dia 16), Ipanguassu (dia 17) e no dia 21 de junho, estará em Natal para fazer a palestra no Teatro de Cultura Popular Chico Daniel, às 20h. No dia 22, José Xavier Cortez também vai falar para o público da UERN, da Zona Norte de Natal.

O objetivo maior do projeto Arte Potiguar no Mundo é trazer importantes nomes do fazer cultural e artístico de origem norte-rio-grandense e que têm relevância nacional e internacional – para que falem sobre sua trajetória e histórias de vida, de maneira a incentivar, estimular e criar a cultura nos espectadores de que conhecimento e trabalho pode sim gerar reconhecimento e sucesso. De acordo com a secretária Extraordinária de Cultura/FJA, Isaura Rosado, todos os convidados do Arte Potiguar no Mundo jã são referências em suas atividades. E nada mais oportuno que divulgar e reconhecer o trabalho desses ilustres nomes. Inclusive, é de interesse da Secultrn/FJA que tanto o público adulto, quanto o público formado por jovens estudantes possam assistir ao que José Xavier Cortez tem para dizer.

Cortez já é bastante conhecido pela sua paixão por leitura. Paixão essa que o levou a trilhar os caminhos de livreiro e editor de livros. Tudo começou quando, em 1965 ele partiu para São Paulo onde trabalhou inicialmente como lavador de carros. Considerando-se um “leitor tardio” aos 29 anos ele se matriculou no curso de Economia na Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (PUC-SP) e, naquela época tomou a consciência de que poderia recuperar o tempo perdido. Ele morava perto de uma editora e começou a aceitar encomendas dos colegas de classe. Os pedidos se avolumaram tanto que em 1968 ele resolveu abrir a livraria Cortez & Moraes nas dependências da universidade.

A sensibilidade e o sonho de tornar o mundo mais harmonioso e com mais educação levou Cortez montar sua própria editora, que atualmente já conta com mais de 30 anos. De acordo com divulgação, em janeiro de 1980, após desfazer a sociedade, a Cortez Editora inicia suas atividades num pequeno espaço no bairro de Perdizes, em São Paulo. Já nas primeiras publicações são visíveis a linha crítica dos textos e a atualidade das abordagens que tocavam questões educacionais, sociais, políticas e econômicas do país.

Daquele ano para cá, a Cortez Editora tem se tornado uma referência na formação e especialização de professores e alunos nas áreas de Ciências Humanas e Sociais. Atualmente, a Cortez Editora possui em seu catálogo aproximadamente 1.000 títulos, escritos por renomados especialistas nacionais, traduções de autores consagrados internacionalmente e também obras de novos intelectuais.

Arte Potiguar no Mundo – Ciclo de Palestras

Convidado do mês de junho – José Xavier Cortez

Palestra “Roda de Conversa”

Cidades e Dias:

Mossoró

Dias: 14 e 15

Assu:

Dia: 16

Ipanguaçu

Dia: 17

Natal

Dia: 21

Local: TCP, às 20h

Dia: 22, na UERN da Zona Norte.

 

 

Anúncios
  1. No trackbacks yet.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: